Jpop, News

PRIKIL dá uma aula de carisma pras marmotas da quarta geração com Somebody

Leitor, lembra quando eu comentei em algum momento desse blog que a FNC surpreendentemente tinha uma subsidiária no Japão e que estavam prestes a estrear um survival show com várias novinhas pra montar um grupo? Pois então, se você tá se perguntando o que é um PRIKIL, saiba que é o resultado dessa baguncinha aí. Mais uma empresa coreana se aventurando nos mares do jpop que não é puramente jpop.

Apesar de não ter visto o Who is Princess (esse nome é simplesmente ridículo), eu lembro de dar uma espiada no vídeo promocional do reality, que era uma música lá com todas as participantes e, olha, é tão renovador pro espírito assistir uma performance bagaceira feito essa, sem um monte de coreanas com movimentos robóticos igual nos Produce da vida. Sem querer, a FNC, mesmo sendo um chiqueiro, acabou refrescando um gênero tão batido quanto os realities de grupos.

E agora eu to ansiosa pra contar pra vocês o que eu achei do debut das gatinhas.

Hoje em dia, nós temos dois exemplares de grupos japoneses que trabalham numa linha diferente do jpop tradicional. O primeiro é o NiziU, da JYPE, uma cópia saudosista da fase fofa do TWICE depois que o próprio TWICE virou a chave e se transformou num bando de gostosonas, e que a cada comeback parece que retrocede a idade mental de todo mundo ali; o outro é o XG, grupo recente sei lá de onde, que emula esses números de mina fodona feitos por absolutamente todo mundo dentro do kpop. Nenhum dos dois tem me agradado a ponto de serem memoráveis, então o surgimento do PRIKIL desenha uma zona cinza nesse novo nicho. E isso é ótimo.

Somebody poderia ser muito bem uma música do ITZY se elas fossem pirralhas de 14 anos com vocais extremamente estridentes, já que tem uma veia divertida e ainda passa a mensagem de ser rara e diferente assim como Dalla Dalla fez três anos atrás. À primeira ouvida, pode parecer bem comum (ou até chatinha), mas tem um fator importante que carrega Somebody pra posições acima dos grupos citados no parágrafo anterior: o NiziU tem carisma até demais e isso acabou infantilizando as coitadas; o XG tem carisma de menos, sussurrando a letra num inglês cursivo de terninho preto e causando uma comoção negativa em quem assiste. Já o PRIKIL é exatamente o que se pode esperar de um ato japonês: um pop açucarado e moderninho, sem idiotice kawaii nos vocais e trejeitos. 

Não digo que todo grupo feminino de jpop precisa ser assim; aliás, hoje em dia a gente tem uma variedade maior de coisas que saíram um pouco do script, como o FAKY por exemplo (tá, talvez não seja o melhor exemplo dada a situação de barril delas, mas acho que vocês entenderam o ponto). É que, com essa nova onda de coreanos agenciando trainees japonesas e formar grupos inteiros com elas, acabam pesando muito a mão, estereotipando ou descaracterizando demais. Isso vale pros dois atos que já estão aí no mercado; é por isso que Somebody me dá um certo alívio, mesmo que não seja a melhor das músicas. 

A FNC, no meio do caminho, acabou acertando com o AOA, aparando as quinas (botando a ideia de banda e a Youkyung na geladeira até ela desistir sozinha) e até debutando as gatas com primor no Japão. Tudo bem que depois o trem do grupo descarrilhou totalmente, mas acho que as fofuchas do PRIKIL tem uns dois anos legais pela frente nas mãos dessa empresa. Vai ter o investimento do NiziU? Óbvio que não. Contudo, se elas continuarem nessa pegada descontraída de Somebody, não tem dinheiro que pague o carisma orgânico do quinteto. Essas monas robóticas e sem expressão da quarta geração morreriam pra cantarem uma música tão boboca com um sorriso natural desses. 

Acompanhe o AYO GG nas redes sociais:

Facebook | Twitter | Youtube

Se você gosta muito do AYO GG e quiser transferir uns trocados pelo Pix, utilize a chave rafaellasolla@hotmail.com.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s