Xepa AYO GG | Lançamentos que não deram tempo de comentar

Quem aí assiste Dona Xepa?

Ótimo que ninguém vai me deixar falando sozinha igual fizeram com o coitado do Maurício Mattar (ou vão), porque hoje eu vou descer a letra rapidinho em coisas que saíram no finalzinho de 2020 e comecinho de 2021 e que me chamaram a atenção enquanto a indústria de entretenimento asiática não acorda.

DALsooobin – Eyes Like Snow

Apesar de ainda não ser a sucessora do smash Katchup, acho que a Subin tem se dado bem com essas músicas mais dramáticas, porque a voz dela combina perfeitamente e tem força o suficiente pra carregar um baladão desse nível.

Queen WA$ABII – I Forgot

Essa música tem incríveis dois minutos de dona Queen rebolando em todos os cantos da casa enquanto canta sobre como é a melhor. Gostei, gostosa e com responsabilidade social, nada de rebolar o rabetão na rua por causa do coronavírus.

Rocket Punch – THE THE

THE THE não é necessariamente um lançamento tão recente, mas a Woolim soltou um MV especial pra música e eu vou rasgar uma sedinha aqui porque a música é uma delicinha nugu.

Baek Yerin – You’re So Lonely Now So You Need Me Back By Your Side

Se tivesse um teste do Buzzfeed pedindo pra gente acertar o nome das músicas do Panic! at the Disco e essa aqui tivesse no meio, eu marcaria com certeza. Mas é a Baek Yerin mergulhando de cabeça no k-indie e trazendo um MV introspectivo e uma música com uma guitarrinha maravilhosa.

fromis_9 – Starry Night

Mais uma das 80 músicas registradas na Coreia com o nome Starry Night, também não é um lançamento tão novo, mas também ganhou MV especial, provavelmente por conta do fim do ano. É uma balada sertaneja 101, apenas.

woo!ah! – I Don’t Miss U

Finalmente o woo!ah! trouxe alguma coisa que me agradou, fiquei tão feliz. Isso aqui poderia facilmente ser o single de comeback delas em vez da tal Bad Girl. O MV é divertido, a música é boa e parece que tudo tem mais qualidade. Vou passar a acompanhar mais de perto.

AiNA THE END – Kinmokusei

Eu não conhecia essa mocinha não, mas fiquei feliz de ter encontrado. A música tem umas notinhas de jazz e uma vibe sapatona incrível. Sem contar a voz dela que é super diferenciada. Outra que eu vou manter no meu radar.

E-girls – eleven

Aparentemente o E-girls voltou rapidinho com eleven sendo sua última música original antes da morte do grupo, lançando um PV no canal oficial do Youtube que mostra vários momentos das meninas. O vídeo é bem intimista, inclusive a letra da música foi escrita com a própria caligrafia delas. Bem bonito e emocionante.

DUSTCELL – Mad Hatter

Eu comecei a ouvir DUSTCELL o ano passado e acho Lazy uma ótima música, mas hoje eu descobri que não é um grupo e sim uma dupla virtual. O Japão sempre me engana, é impressionante. Mas Mad Hatter também é boa, só achei meio curta.

MIRI – Diary

Parece que não é só a Coreia que anda bebendo na fonte poluída do Justin Bieber, mas de alguma forma é até que positivo (se é que existe coisa boa em emular aquela tristeza) porque o jpop anda se internacionalizando pra não perder a competição com o kpop. O que não significa que a música seja boa, eu mesma não gostei.

Parece que amanhã é o dia D com o comeback do (G)I-DLE vindo aí, mas eu ainda tenho mais um post pra mamar na teta de 2020 antes de encerrar esse ciclo. Infelizmente vocês vão viver de flashback mais um pouco.

Autor: Rafa

26 anos, de São Paulo e ativa nessa vida de pop asiático há mais tempo do que eu gostaria.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s