Jpop, Kpop, News

Xepa AYO GG | Lançamentos que não deram tempo de comentar

Meu povo, como estamos? Como diria aquele álbum do Racionais, estamos sobrevivendo no inferno com esse calor desgraçado que não acaba nunca. Pensando seriamente em comprar um ar condicionado portátil porque, quanto mais quente, menos vontade de ficar aqui no computador escrevendo eu tenho. Fora que faz mal pra minha pele, já que o calor faz meu corpo todo coçar. 

Enfim, domingão e mais uma leva de músicas pra comentar nessa edição da Xepa. Março tá prometendo ser um mês arrebatador como há muito tempo não tínhamos por conta do coronavírus, então vamos eliminar o restante das músicas de fevereiro + algumas desse começo de mês. 

Billlie – GingaMingaYo

Eu fiquei esperando muito uma nova flipping a coin nesse comeback do Billlie, mas não sei direito se gostei do que eu recebi. Claramente é uma música menos pretensiosa que o debut (e mais divertida também), só não sei se eu fiquei convencida, sabe? Bom pra elas que agora têm sua própria Chuu (kpop tá virando uma grande fábrica de Chuus), a tidinha japonesa cuja fancam de mudanças rápidas de expressão viralizou, e agora é ela quem vai pagar as próximas marmitas (a menina do Girls Planet 999 deve tá mordendo a própria bunda achando que ela seria la grande sensación do grupo, que sabor). Talvez eu dê uma nova chance ao longo do ano.

CRAXY – Dance with God

Não sei porque, mas o nome dessa música me lembrou aquela camiseta proibidíssima que o menino do Seventeen usou (HOLD HANDS, TAKE LSD, FIND GOD). Fora isso, só o Guilherme Palpites gostou dessa palhaçada. 

Solji – Fade Away

Enquanto o EXID tá fazendo seus trampos à parte (Hani atuando e sendo cada dia mais a it girl periférica que a sua fancam icônica prometeu, LE sustentando metade da indústria coreana com as suas composições, Hyelin trabalhando de garçonete como o Miss Back mostrou e Junghwa sei lá onde), a Solji resolveu debutar solo como a excelente cantora de power ballads que ela é. Vou ouvir de novo? Não, mas apoio a kween totalmente.

Sorn – Sharp Objects

Depois de sair da Cube, a Sorn apareceu com isso aqui, que é MUITO melhor do que o debut bizarro que ela ganhou estando por lá e, só por isso, ela tem todos os méritos. Mas essa tentativa de soar como a Robyn me parece muito básica, dava pra ser um retrozão de gostosa que superou o término (no caso, de contrato) muito mais explosivo. 

NMB48 – Koi to Ai no Sono Aida ni wa

Música de graduação de uma dessas duas fulaninhas que aparecem aí na thumb do MV. Janjan, das pobretonas que ficam esperando uma oportunidade pra subirem pro time principal, é muito melhor.

Kalen Anzai – Chanto Sekaisen

Finalmente a Kalen Anzai saiu do seu metaverso e ganhou um MV decente. Que vale centavos sim, afinal avex, mas é bem melhor do que os animes de baixíssimo orçamento que ela tava soltando. A música também é a mais legal dela desde muito tempo. 

BiSH – Aishiteru to Ittekure

Mais um dos lançamentos de despedida do BiSH, dessa vez mostrando que elas são, acima de tudo, garotas comuns que cantam sobre amor. Amei a paródia.

Miss Mercy – Cinderella

Já essas monas aqui debutaram outro dia. Prometeram absolutamente nada e superaram minhas expectativas com um popzinho gostoso e crocante combinado com aquele enredo de estudantes se descobrindo (povo animado). Gostei de verdade e recomendo.

Acompanhe o AYO GG nas redes sociais:

Facebook | Twitter | Youtube

Se você gosta muito do AYO GG e quiser transferir uns trocados pelo Pix, utilize a chave rafaellasolla@hotmail.com.

4 comentários em “Xepa AYO GG | Lançamentos que não deram tempo de comentar”

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s