Kpop, News

fromis_9 teve um intensivão de fim de ano com a maior japonesa de Seul pra lançar DM

Hoje o dia foi lotado de lançamentos. Meio atípico pra janeiro, mas é até bom ver o kpop se movimentando de novo depois de alguns meses de marasmo no ano passado. O segundo post de hoje do AYO GG vai falar sobre o comeback do fromis_9, que vem numa crescente de músicas boas e meio incompreendidas pela parcela que adora adotar grupos ditos flopados, já que elas nunca hitam de fato. 

Agora elas estão na Pledis, que por sua vez é administrada pela toda-poderosa HYBE, e isso pareceu ser sinônimo de desespero pra quem conhece o histórico do mercadinho de bairro que é a Pledis. Felizmente (e surpreendentemente), os lançamentos têm se mostrado consistentes de conceito e agenda, e a gente não precisa ficar tanto tempo sem música boa, já que as meninas sempre servem um bop bem geladinho. 

Dessa vez, elas vieram com DM. Vamos dar uma olhada no MV.

Faz uns dois anos que o fromis_9 se ateve a um estilo bem específico dentro do cenário, que são essas músicas mais refrescantes de se ouvir. Foi assim com Feel Good, WE GO e até com Talk & Talk, mas o mais curioso de tudo é como elas conseguem entregar diferentes facetas dentro do mesmo conceito, sempre renovando a marca, sem nunca deixar pesada ao longo do tempo. Por isso, eu acho que o grupo teve o amadurecimento mais interessante do kpop, de quando elas saíram do bubblegum pop adolescente pra engatarem de vez nesse som cada vez mais característico na discografia delas.

DM é um city pop meets disco, perfeito pra essa época do ano onde as coisas dão uma desacelerada por conta da estação, mas sem deixar de ser empolgante. É até curioso ver esses atos do kpop arriscando no gênero e se dando bem, como foi o caso dessa aqui, que claramente se passaria por uma demo da YUKIKA com alguns toques mais… Pop. Só que tá tudo aqui: os sintetizadores, os sininhos, a linha de baixo carregada e toda a magia que um instrumental desse tipo pode oferecer. E, apesar dos versos serem previsíveis e mais contidos dentro do formato da música, o refrão dá o charme da coisa toda. É explosivo, mas mais como uma explosão de glitter. 

Como a Bruna disse no post dela, o fromis_9 arranjou uma fórmula certa pra fazer música (e não tem nada de errado nisso). Mas o importante do negócio é saber servir o arroz com feijão sempre gostoso pra ter vontade de comer mais; a discografia atual das meninas funciona assim. Você pode ter ouvido tantas outras iguais a DM, mas a faixa não exagera ou deixa faltar em nenhum momento; pelo contrário, todas as notas são pura diversão, ainda mais com o fator cintilante que os vocais do grupo dão, dando corpo e abraçando a música toda. E o jeito que o grupo faz isso parecer refrescante a cada comeback é o mais legal de tudo.

Com um futuro bastante promissor gerenciado pela Pledis, o fromis_9 caminha a passos largos e otimistas em direção ao seu verdadeiro hit. É tudo muito simples, mas tão natural e gostoso de ouvir que chega a ser injusto a fanbase não dar a devida atenção pros lançamentos das gatinhas. DM abriu o ano do fromis_9 muito bem, sendo uma daquelas músicas sem muita firula ou perfumaria que servem mesmo pra lavar a alma no fim do dia. Com esse pedacinho de city pop quase genuíno chupinhado da gaveta da YUKIKA também, não teria como não se apaixonar. 

Escute também: Escape Room

O álbum do fromis_9 dá uma desacelerada em todas as músicas, que são bem mais calmas do que a maioria pode estar acostumado. Mesmo que eu não comente todas as faixas ao longo do ano, achei um EP bem redondinho no que se propõe, que é ter mesmo essa pegada mais mágica. A tracklist é toda voltada pra isso, explorando várias vertentes de estilos mais contidos, desde baladinhas de cafeteria a city pop raiz mesmo. Nessa leva, eu gostei demais de Escape Room. Me lembrou o Red Velvet numa boa fase, entregando R&Bs de qualidade, mas o fato de ser o fromis_9 nessa vibe me deixou ainda mais empolgada. Escape Room é surpreendentemente sensual pro grupo, representando o máximo de maturidade que elas conquistaram até hoje na carreira, e o instrumental tem ganchos muito viciantes. Eu não esperava mesmo um número desses vindo de quem veio. 

Acompanhe o AYO GG nas redes sociais:

Facebook | Twitter | Youtube

Se você gosta muito do AYO GG e quiser transferir uns trocados pelo Pix, utilize a chave rafaellasolla@hotmail.com.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s