Chungha sai de saia com uma mão no guidão e a outra na calcinha em Bicycle

Chegou o dia do arrebatamento, amores! O dia em que Jesus volta pra escolher aqueles que vão pro reino dos céus, os seus preferidos, mas pense que ele veio a pé… Jesus veio de bike, e quem tá conduzindo é a Chungha.

Hoje a Chungha finalmente liberou os mimos do álbum Querencia e, com ele, o MV de Bicycle, mostrando que, acima dela, só Deus e a roda da frente. Esse aqui foi o evento mais esperado pela blogosfera depois da vacina do coronavírus, já que tudo que envolvia o lançamento desse álbum sofreu os contratempos do próprio vírus, então todo mundo hoje está em festa com 21 músicas pro nosso deleite. 

Antes disso, dá uma olhada no MV.

Vamos lá, anúncio feito, já dei meu engajamento pra gata, agora vou falar o porquê de não ter gostado tanto disso aqui. Quando os teasers de Bicycle saíram, a dualidade do instrumental foi o que mais chamou minha atenção. Aquela guerra de guitarras violentas, que transiciona pra um órgão latino, me deixou mais ansiosa pelo que mais a Chungha poderia entregar depois de servir tanta música de viado. 

Acontece que, pra mim, a junção de instrumental + letra não me agradou tanto no resultado final. Parece que a Chungha sempre tá cantando fora de ritmo, além de todos os gritinhos de get on ma way-ah, sei lá, simplesmente não consigo engolir a música nessas primeiras vezes ouvindo. Já o MV permanece sendo o ponto mais alto de tudo. Se a gente comparar o debut da Chungha em 2017 com isso aqui, dá pra sentir o auxílio emergencial com força. A qualidade de tudo que ela produziu até hoje subiu muito, graças aos gays que fazem questão de sustentar sua nova k-diva. 

Num geral, Bicycle canta sobre como a Chungha manda na porra toda. Ela manda você sentar na garupa e dirigir a bicicletinha dela, empina o quanto quiser, mas quando ela disser que acabou, acabou mesmo, porra. Essa persona mais “bossy”, que faz rap e diz que é a rainha de tudo aqui, não era algo que a gente ainda tinha visto vindo da Chungha, né? Mais um pontinho aí na categoria inovação (o que não sobe muito a média final comigo). É uma música de momento, que exagera em tudo e não sei se tem moral o bastante pra representar um álbum de 21 faixas.

Escute também: Bother Me

De duas coisas eu tenho certeza: 1. Não faço ideia pra qual música do Querencia a blogosfera vai deitar; 2. Foi difícil escolher a minha recomendação pra vocês, e não é exatamente por ter muita coisa boa. Eu admiro a Chungha por ter feito do lançamento do álbum um evento com música até dizer “chega”. Aliás, eu disse “chega” em um momento (eu comecei a ouvir o álbum às 9 da manhã, olha aí que horas são). 21 faixas é muito, né? Se eu tivesse uns 6 anos a menos, eu aguentaria ouvir tudo. 

Enfim, de um álbum recheado, eu escolhi Bother Me, porque realmente a música é boa, e eu já sabia que meu senso comum cairia mais pro Side B do álbum (conhecido como Savage), que é onde os hits Stay Tonight e Dream of You fazem morada. Bother Me é um house safado com tendências de eurobeat e o ballroom típico desse lado do álbum, com a Chungha fazendo um jogo de palavras ao longo da música sobre um relacionamento tóxico. Como o Querencia é enorme, muitas músicas já fugiram da minha cabeça enquanto eu fazia esse post, então a Chungha me obriga a fazer uma review completa dele no fim de semana. Aguardem.

Autor: Rafa

26 anos, de São Paulo e ativa nessa vida de pop asiático há mais tempo do que eu gostaria.

5 pensamentos

  1. A escolha de Bother Me como recomendação: SIM. O side savage já tava prometendo que traria coisa boa, mas das novas ela ta entre as melhores~ (mesmo que se fosse pra escolher uma de recomendação eu iria de Flying on Faith 👀)

    Curtido por 3 pessoas

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s