Elkie se abre a respeito do término de contrato com a Cube por não fazer o mínimo

Recentemente, o CLC foi pauta nos sites especializados em cultura coreana e não foi por um bom motivo, como, por exemplo, um full album depois de quase seis anos de carreira.

A integrante chinesa, Elkie, exigiu o término de seu contrato exclusivo com a agência Cube Entertainment, responsável pelo grupo. A carta escrita pelo escritório de advocacia que está movendo a ação contra a empresa foi revelada há cinco dias.

Em suma, os representantes legais da Elkie querem que a Cube quebre o contrato assinado em fevereiro de 2016 por violação de inúmeras cláusulas impostas por eles mesmos. Segue abaixo na íntegra, com tradução do inglês feita por mim, os termos não cumpridos por parte da Cube.

Durante o período de contrato, os pagamentos da srta. Chong (o nome real da Elkie é Chong Tingyan), providos de atividades no entretenimento, foram coletados pela Cube Entertainment. No entanto, a empresa nunca declarou renda ou maiores detalhes para a srta. Chong.

Depois de assinar o contrato, a srta. Chong cumpriu com suas responsabilidades previstas e (…) sua agenda de compromissos, conforme organizado pela Cube Entertainment. No entanto, a empresa não pagou a srta. Chong pelas suas atividades de atuação, conforme descrito no artigo 6.4 do contrato exclusivo.

Por conta de mudanças internas gerenciais e estruturais da Cube Entertainment, foi informado às integrantes do CLC que não haveria mais apoio ao desenvolvimento [do grupo] em 2020. Desde então, a Cube Entertainment não providenciou nenhum plano para o futuro da srta. Chong; em vez disso, suas ações mostraram que não cumpririam mais os termos impostos no contrato.

Lendo essa declaração do escritório de advocacia que está cuidando do caso, fica claro que 1) a Cube já não tinha mais interesse em continuar mantendo o grupo; 2) foi necessário a coitada passar fome e se humilhar esse tempo todo pra, enfim, meter um processão na fuça dessa empresa porca.

Infelizmente, o CLC nunca foi um grupo consistente em lançamentos e, pelo menos nos últimos dois anos, os fãs foram alimentados com singles e atividades mal gerenciadas. 2020 foi o pior ano delas de longe, mesmo lançando um farofão empoderado como foi Helicopter. Um single para o ano todo, Cube? Que palhaçada é essa?

Vamos aproveitar essa música enquanto a gente pode

No meio disso tudo, a Elkie se pronunciou via Instagram sobre o que ela pensa a respeito dessa situação, no mínimo, constrangedora. Sendo queridíssima como sempre, ela diz que os fãs são tudo o que ela tem e agradece pela lealdade do fandom em apoiá-la.

São quase seis anos. Desde a [minha] audição, debut e, finalmente, eu tenho a chance de encontrar vocês e me tornar mais próxima. Até agora, nosso amor tem sido poderoso e precioso. A todo momento, em cada evento, cada performance, cada álbum… Vocês me inspiraram e me encorajaram muito. Isso me dá a força [que eu preciso] para continuar.

Houve uma vez em que me senti mal e viajei sozinha para fora do país. Na volta, escrevi uma mensagem emocionante. E quando eu leio todas as mensagens e comentários, mal consigo segurar as lágrimas no portão de embarque. Fiquei muito tocada. Há muitos momentos lindos como esse que eu jamais poderei esquecer.

Espero que a Elkie siga carreira fora da empresa, principalmente na China, onde ela tem grandes chances de se lançar com baladões sertanejos. E o CLC, bem… A Sorn tem o canal dela no youtube.

E vocês, o que acham? O CLC seguirá com seis integrantes ou a caloteira da Cube já não aguenta mais manter o grupo no catálogo?

Autor: Rafa

26 anos, de São Paulo e ativa nessa vida de pop asiático há mais tempo do que eu gostaria.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s